10/05/2020 às 12h01min - Atualizada em 10/05/2020 às 12h01min

Uma mensagem aos filhos que ficaram

Mário Marinho - especial para o M2 News
mariomarinho@m2news.com.br
Uma mensagem aos filhos que ficaram. Foto: iStock



Olá, eu sei que tudo pode parecer estranho.  As coisas devem estar diferentes... talvez não haja cheiro, não haja mais o rádio de manhã bem cedo, sintonizado naquelas músicas que só ela gostava, ou naquelas notícias que pra você já eram velhas, pois você já tinha visto tudo na internet horas antes.

O cheiro do café da manhã se foi... as implicâncias matinais também. Elas fazem falta!

O sentimento de perda não passar, os anos sim. O laço entre as mães e filho jamais são cortados. Eles são eternos. Eternos também devem ser os ensinamentos, às vezes duros, que ela deixou. Não lembre de sua mãe sentindo dor. Não lembre de sua mãe com um olhar, insegura, nas mãos de pessoas que não tinha por ela o mesmo carinho que você nutriu desde seu ventre. Apesar de fortes e profissionais, eles não saberão nunca quais sentimentos você sentiu e ainda sente pelo seu primeiro amor... Mas eles também têm mãe. Não adianta culpá-los.

O fato é que nenhuma mãe quer perder um filho, da mesma forma que um filho, por mais idade avançada que tenha, aceita perder sua mãe. Mas o ciclo natural é duro... parece impiedoso e sem sentimentos.

Acredite que a dor de estar longe de você deva ser bem maior para ela. No entanto, ela vai se confortar... Se confortar ao saber que você seguiu seus ensinamentos.

Nada mais será como antes... as ligações  não acontecerão. As mensagens do grupo da família não terão mais aqueles cards de bom dia. Agora, ah agora, eles farão falta, mas ficarão na memória.

Eu não faço esse texto por que perdi minha mãe, na verdade a minha está aqui ao meu lado. Mas muitos de meus amigos perderam as suas, algumas que também foram pais, uma dor em dose dupla durante essa pandemia.

Eu só quero dizer a eles que onde quer que suas mães estejam, e acredito que mães sempre estão em um bom lugar, elas estarão bem ao saber que todos vão seguir. Elas não estão longe, elas estão bem ali... sem dor, sem sofrimento, sem aqueles remédios de hora e hora, sem aquelas injeções.

Amigos, suas missões, agora, são seguir, continuar, andar... não com elas, mas por elas!

Sintam-se abraçados. Sua mãe está aqui... e ela nunca que te quis triste!




Sobre o autor:
Mário Marinho é jornalista e empreendedor da comunicação. Já atuou em diversos veículos de comunicação do Amazonas.
No serviço público, ocupou cargos em secretarias de estado, como FPS, Seinfra, UGPE (Prosamim), Seas; Também atuou na Prefeitura de Manaus (Semasdh e Semcom), sempre nas áreas de comunicação e jornalismo.
Atualmente mantém uma coluna no portal M2 News, fundado por ele em 2016, e atua como consultor de comunicação pessoal e assessoria política.
Para entrar em contato com o colunista envie e-mail para mariomarinho@m2news.com.br
Link
Tabuleiro Baré

Tabuleiro Baré

Coluna Política do M2 News com os bastidores da política e fatos importantes do Amazonas.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!