24/08/2020 às 08h00min - Atualizada em 24/08/2020 às 08h00min

​Alianças, desistência e mais Fake News movimentam as vésperas das convenções

Mário Marinho
mariomarinho@m2news.com.br
Fotos da coluna: Mário Oliveira/Semcom/Alexandre Cavalcante/Arquivo Pessoal/Divulgação/Criação/M2 News
 
 
Dia 31 de Agosto começa oficialmente o prazo para que os partidos façam suas convenções e homologuem os nomes de seus candidatos para a disputa eleitoral de Novembro. Com a proximidade, e se tratando de uma eleição atípica por conta da pandemia, as especulações e as chamadas Fake News avançam com força nas redes sociais. Tem pré-candidato que foi mandado para UTI - mas estava mesmo era fechando aliança - e surgiu desmentindo a Fake News na internet, aliás o M2 conseguiu falar com o "internado" que riu da notícia falsa.
No Tabuleiro Baré de hoje tem o Capitão Alberto Neto (Republicanos) que quer militarizar a educação municipal. Ele foi o segundo entrevistado da série de entrevistas da Coluna. E tem, claro, Carol Braz (PSC) que deixou a disputa após decisão do partido. Ambos concederam entrevistas ao Portal M2 News nesse fim de semana.
Segue com a gente!
 
Carol Braz sai das eleições

Apontada como nome feminino das eleições deste ano, em Manaus, Carol Braz (PSC) anunciou nesse domingo (23/08) que está fora da disputa de novembro. Em entrevista à coluna, Braz afirmou que o partido decidiu apostar nas candidaturas de vereadores e permanecer neutro entre os cargos maioritários. A notícia caiu como surpresa entre os apoiadores da Defensora Pública. Carol já havia fechado parcerias com líderes comunitários que ficaram surpresos com a notícia. "Foi uma decisão da legenda. Lamento que o partido tenha retirado a candidatura, mas agradeço a cada um que apostou em meu nome", disse a, agora, ex-pré-candidata.
 
Questionada pela coluna sobre uma possível composição de vice ou uma provável candidatura à Câmara Municipal de Manaus (CMM), Braz afirmou que uma disputa pelo legislativo não seria possível por conta do período de desincompatibilização. "Não haveria tempo legal para uma desincompatibilização e não seria o caso. Não seria justo eu ser candidata a vereadora sendo presidente do diretório municipal, seria até uma sacanagem com os postulantes ao cargo", anunciou.
"O partido decidiu ficar neutro, focar nas ações do governo e deixar de lado uma candidatura majoritária", disse Carol ao responder sobre possível composição de chapa.
 
Falando em composição de chapa 


Ricardo Nicolau (PSD) não gostou nenhum pouco das notícias veiculadas em sites que apontavam que a saída de Carol Braz (PSC) da disputa seria para uma composição com sua candidatura. "A possibilidade dessa aliança é zero", disparou Nicolau ao classificar as informações como Fake News. (Veja o post abaixo)
 

 

Amazonino em SP
 
Falando em Fake News, Amazonino Mendes (Podemos) classificou como as notícias de uma suposta internação às pressas em São Paulo como notícia falsa. "É mais uma fake news. O mal da desinformação ", disse Amazonino em entrevista à coluna.
 
Amazonino esteve em São Paulo fazendo articulações com lideranças de partidos e avaliando cada cenário. Segundo pessoas próximas ao ex-governador a possibilidade de um lançamento oficial para a disputa, já com o nome do vice vem ganhando forma nos últimos dias. No domingo ele postou foto anunciando que está retornando para a barelândia.



A mensagem subliminar de Josué

O pré-candidato do PRTB para a prefeitura de Manaus, Josué Neto, presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) publicou texto em seu site pessoal fazendo uma avaliação do atual cenário econômico no país e em Manaus. Ao final da publicação ficou uma incógnita, ao menos para os mais atentos. É que o pré-candidato disse que a governabilidade teria que ser deixada nas mãos de quem tem maior capacidade e experiência. "Está na hora de deixar nas mãos de quem tem maior capacidade e conhecimento a responsabilidade de desenvolver nosso país", disse Josué. Será que teremos mais uma desistência de um cabeça de chapa? Clique aqui e veja a íntegra da publicação de Josué.
 
Alberto Neto no Tabuleiro Baré

O Capitão Alberto Neto (Republicanos) é o segundo pré-candidato a prefeito de Manaus entrevistado pela coluna Tabuleiro Baré. Alberto Neto falou com a Coluna no fim de semana em uma conversa de quarenta e cinco minutos, da qual destacamos os principais pontos a partir de agora.
 
Alianças
Com a proximidade das convenções Alberto Neto acredita que o nome do vice para sua composição de chapa deva sair de um trio partidário com quem ele vem conversando. "Reuni com PSL, com o PP e o PRTB. Estamos tendo boas conversas, seguimos afinando alguns pontos. Penso que nos próximos dias já devemos ter uma composição de apoios em alinhamento com nosso plano de governo", revelou Alberto Neto.

Apoio de Caciques
“Eu não conversei com cacique algum nessa pré-campanha. Quero uma campanha independente com um plano de governo participativo, voltado para o bem de Manaus”, afirmou.

Silas Câmara

Questionado sobre a participação do presidente do Republicanos em sua campanha, Alberto Neto afirmou que Silas Câmara não irá participar do processo eleitoral na capital. A coluna questionou os motivos. “O Republicanos tem uma infinidade de candidatos a prefeitos e vereadores no interior do Amazonas. Ele (Silas) irá se concentrar no interior do estado e eu na capital. Isso já foi resolvido. São 20 municípios com candidaturas majoritárias”, disse Alberto Neto.

Wilson Lima

Ao ser perguntado sobre um possível apoio do atual governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) à sua campanha, Alberto Neto afirmou que não teria conversado sobre apoios no primeiro turno. “Eu quero ter o apoio é da população. Essa questão de apoio de caciques, não vejo isso com bons olhos. Quero ser um candidato independente, sem interferências”, disse.
 
Jair Bolsonaro 

"É muito difícil que o presidente se posicione nesse momento, são muitos candidatos em todo Brasil. Conversei com o presidente e, acredito, que no segundo turno seja mais provável sua participação", disse Alberto Neto.
 
Escolas Militares

"É um dos nossos motes de campanha. Vamos aderir ao plano nacional das escolas cívico-militares. Quero trazer essa experiência positiva da rede estadual para a rede municipal. É possível fazer e será uma realidade que vamos levar para todos os bairros da cidade. Sem a necessidade de pagamento de taxas ou mensalidades" revelou.
 
 
Militares no Governo

"Penso em um governo independente, com os mesmos moldes do presidente Bolsonaro. Todos os currículos serão avaliados. Muitos militares têm uma extrema capacidade técnica. Mas não será um governo totalmente de militares", revelou Alberto Neto.
 
Mobilidade Urbana e Transporte Coletivo 

"A mobilidade urbana é um ponto chave para que Manaus possa ter um trânsito mais rápido. Vamos transformar as Avenidas Djalma Batista e Constantino Nery, em mão única (em sentidos opostos). Além disso, estaremos trabalhando a melhoria da frota de ônibus, com tecnologia, acionamento direto com viaturas mais próximas em caso de assalto e acabar com esse trânsito complicado, com faixas que não são totalmente exclusivas", afirmou o pré-candidato.
 
Segurança Pública 

"É possível contribuir para a segurança pública. Vamos aparelhar a Guarda Municipal de Manaus, dando mais poderes e armando nossos guardas para patrulhamento de vias públicas e assim criando uma sensação mais segura na população e inibindo a criminalidade, como já ocorre em outras cidades do país, com muito sucesso", afirmou Alberto Neto.
 
Saúde 

"A pandemia de Covid-19 provou que Manaus tem apenas 35% de cobertura na rede básica. Existem recursos federais que mantém o programa de agentes de saúde locais. A proposta é chegar ao número aproximado de cinco mil agentes de saúde, dando maior cobertura e atenção aos pacientes com doenças como hipertensão e diabetes", revelou Alberto Neto.
 
Hospital Municipal 

"O atual prefeito desativou o hospital de campanha depois de gastar milhões de reais. Acho que foi uma grande falha, pois Manaus anda muito carente de hospitais para cirurgias eletivas ou para crianças, idosos. Hoje só existe a maternidade Moura Tapajós. Já passou da hora de Manaus ter seu hospital Municipal", completou Alberto Neto.
 
Governo Arthur Neto

“Manaus evoluiu muito pouco nos últimos oito anos. Nossa cidade não avançou no saneamento básico. Temos uma mobilidade urbana sem grandes obras e uma capital com um endividamento grande e pouco avanço”, avaliou.


Resposta a José Ricardo 

Na estreia da Rodada de Entrevistas com os pré-candidatos José Ricardo (PT), afirmou que "Ele (Alberto Neto) foi eleito com a bandeira de fortalecimento da segurança. Mas até agora essa proximidade, que ele diz ter com o presidente Bolsonaro, não refletiu em investimentos para segurança do Amazonas. Eu espero que ele de fato consiga ajuda para melhorar a segurança do estado".

A coluna perguntou se Alberto Neto queria responder à afirmação do petista. "Recentemente, eu consegui uma emenda de R$ 3 milhões para o enfrentamento da pandemia para proteger os militares e, permitir com que eles continuassem seus trabalhos no Amazonas. O José Ricardo está desinformado", retrucou.

Por que ser prefeito de Manaus?

“Até ontem eu estava na ponta da lança. Sei das dificuldades de cada bairro. Saber que eu posso mudar a vida das pessoas com uma educação de qualidade. Eu quero ter a oportunidade de contribuir com minha cidade”, completou.


Curtir 

Eu continuo apertando o botão Curtir para os profisssionais de saúde que mesmo lutando contra as informações de que não temos mais covid-19 continuam salvando vidas, pelo menos as que conseguem, nos hospitais.


Não Curtir

Eu confesso que estava até gostando da fase 'paz e amor' do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), mas ontem o modo explosivo, conhecido de todos nós, mirou em um repórter do Jornal O Globo, que ao questionar (sim, questionar, ou seja, cumprir seu ofício) sobre possíveis depósitos na conta da primeira-dama. O presidente disse que teria vontade de "encher tua boca de porrada". Era tão mais simples não falar nada, ignorar ou dizer que espera apuração final dos fatos. Enfim, não apertei o botão curtir para mais essa.

A gente se encontra nas sexta-feira, até lá!
Link
Tabuleiro Baré

Tabuleiro Baré

Coluna Política do M2 News com os bastidores da política e fatos importantes do Amazonas.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!