13/06/2017 às 09h51min - Atualizada em 13/06/2017 às 13h52min

​Cárie e doença periodontal? Prevenção é o melhor negócio.

Na estreia da coluna, falemos sobre um assunto antigo, mas muito corriqueiro.

Fabian Araújo - M2News
A educação vem dos pais, desde a infância.

            Muito se fala em prevenção nos tempos atuais, vale ressaltar que a prevenção só existe com o conhecimento, e só é possível a partir da educação. A educação vem dos pais desde a infância partindo da dentição decídua, mista e permanente. Na escola com ações coletivas de palestras e até mesmo de escovações e o mais importante ir visitar o cirurgião dentista a cada seis meses.

            A má higienização acaba formando o biofilme ou placa bacteriana, que se não higienizado, acaba agravando a situação nos elementos e na gengiva. A cárie é uma doença multifatorial, ou seja, depende de vários fatores para ser formada tais como: hospedeiro, microbiota, tempo e a dieta tendo como o fator mais importante. Fatores socioeconômicos também acabam influenciando.
 
            Mas não só com a cárie que devemos nos preocupar.  A doença periodontal também é muito preocupante. Na forma crônica a gengivite é o primeiro estágio da doença periodontal atacando somente os tecidos moles e posteriormente a periodontite, que é a doença mais avançada, causando perda óssea vertical e horizontal levando a mobilidades dentárias podendo ter perda de um dente ou ate mesmo de todos os dentes se não tratada.

            Então, qual a melhor forma de prevenção?


A boa e velha ESCOVAÇÃO, fio dental e controle da dieta. O ideal é o uso de escovas macias para qualquer idade desde a primeira infância até o idoso, o uso do fio dental, pois a escova não entra nas faces proximais do dente (entre os dentes) e o controle da dieta, ou seja, evitar comer muitos açúcares.

 

            O uso de cremes dentais.

            A escovação deve ser feita sempre após a alimentação e a sendo a mais importante à feita antes de dormir, pois, a salivação diminui quando estamos dormindo, facilitando a formação da cárie e da doença periodontal.
            O creme dental é considerado o método mais racional na prevenção de cárie. É importante sempre quando for comprar seu creme dental dar uma verificada na concentração de flúor, entre 1000 a 1100 ppm (quantidade de flúor que o creme dental possui)  é um concentração ideal. Vale lembrar que a quantidade creme que se coloca na escova é do tamanho de um grão de feijão para os adultos, e para as crianças, o correspondente a um grão de arroz.
            Portando, uma boa higienização e a uma visita ao seu cirurgião dentista vai deixar você com a boca saudável e sempre com um belo sorriso.

Até a próxima.

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Fale com a gente
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!