16/10/2020 às 11h39min - Atualizada em 16/10/2020 às 11h39min

Ibope cria eleição de dois mundos em Manaus: o de Amazonino e dos empatados

Pesquisa divulgada repercutiu nos bastidores da polícia e nas rodas de conversas, em Manaus

Coluna Política do Portal M2 News
Redação M2
Fotomontagem: M2 News


As eleições em Manaus seguiam em um cenário montado desde o início do ano pelos Institutos de Pesquisas do Amazonas, que apresentavam, em todos os levantamentos, o candidato Amazonino Mendes (Podemos) liderando, desde a pré-campanha, e o candidato do Avante, que tem o atual vice-prefeito, Marcos Rotta (Democratas) disputando a reeleição (de vice) em segundo lugar.

A grande diferença, entre os dados dos Institutos, vinha das terceiras posições e abaixo. Mas aí, eis que no dia 14 de outubro, a Rede Amazônica, afiliada da Rede Globo no Amazonas, divulgou a primeira pesquisa Ibope para as eleições de prefeito da capital. No levantamento, o Ibope colocou Amazonino isolado, com uma grande vantagem sobre o segundo colocado, ou melhor, sobre todos os outros cinco candidatos que estariam, segundo o Ibope, empatados tecnicamente. Ou seja, a pesquisa divulgada criou uma eleição com dois mundos, um de Amazonino Mendes, que está em uma bolha, oscilando entre 25 e 29 pontos e os demais, que vão de 7 aos 13 pontos. Na margem de erro, David Almeida (Avante), Ricardo Nicolau (PSD), José Ricardo (PT) e os militares Capitão Alberto Neto (Republicanos) e Coronel Menezes (Patriotas) estão juntos, em uma complicada matemática usada pelo Ibope, que coloca, ainda, Alfredo Nascimento (PR) empatado com Chico Preto (DC), e também empatados com Romero Reis (Novo) e Marcelo Amil (PCdoB), em uma pontuação que vai de 1% a 3%.

Essa pesquisa divulgada pelo Ibope nos lembra aqueles jurados dos desfiles de carnaval do Rio de Janeiro, que vão para Avenida do Samba só assistir ao desfile e, para não se indispor com ninguém, dão nota 10 para todo mundo. O nosso Tabuleiro Baré, dessas eleições 2020, traz para a roda os candidatos à prefeito de Manaus e a péssima avaliação da administração de Arthur Neto (PSDB), que em outra pesquisa do Ibope, chegou a uma coincidência interessante: A 77 dias para o fim de sua gestão, 77% dos manauaras, consideram sua administração ruim, péssima ou no máximo regular. Então, a partir de hoje teremos aqui neste Tabuleiro duas contagens regressivas, a do fim do mandato de Arthur Neto e, também, para o primeiro turno da eleição que vai escolher seu sucessor.

Uma boa leitura!
 
 

Arthur e sua baixa avaliação

Quando disse, no último dia 7 de outubro, durante a inauguração de um campinho de futebol, que foi ao evento tentando achar um buraco pelo caminho e não encontrou, Arthur Neto (PSDB), prefeito de Manaus, talvez não soubesse, mas acendia ali uma chama que consumiria sua já fragilizada popularidade desde o Caso Flávio, há um ano atrás. Uma semana depois, faltando exatos 77 dias para o fim de sua gestão, o Ibope divulgou uma pesquisa para medir a popularidade dos chefes do Executivo do Amazonas, Manaus e Brasil. Coincidentemente, segundo o Ibope, 77% dos entrevistados classificam a maneira como ele comanda a prefeitura de Manaus como ruim, péssima ou regular. Essa talvez seja uma das maiores rejeições atribuídas ao tucano em toda sua história política e mais recente como prefeito. Mostra que com o eleitor, que é de fato seu patrão, apenas publicidade e discursos repetidos de que tudo está bem, não resolvem. Talvez seja um fim triste, melancólico e quase solitário para um político que fez muito pelo Amazonas, como parlamentar, mas que, na avaliação do povo, não emplacou bons resultados em seu último mandato.


De padrinho à âncora

Essa péssima avaliação de Arthur reflete nas eleições deste ano. Até aqui, faltando exatos 29 dias para o primeiro turno das eleições para prefeito, Alfredo Nascimento (PR) não conseguiu decolar, nem na pesquisa do Ibope. O ex-ministro dos transportes, que tem a tucana Conceição Sampaio, como candidata a vice, vende a imagem de que vai manter a filosofia da gestão de Arthur Neto, que, agora, com esses dados revelados pela pesquisa divulgada pela Rede Amazônica, na última quinta-feira (15/10), tem sido uma verdadeira âncora, arrastando sua campanha para baixo da tabela. Contra o ex-ministro pesa ainda a ruim lembrança do eleitor com a não construção, completa, da BR-319. Por mais que Alfredo tente explicar que não foi possível fazer tudo, por impasses ambientais e outros, na cabeça do eleitor, que é quem escolhe seu funcionário prefeito, ele poderia ter concluído a obra. O que vemos, Alfredo tem, talvez, o maior desafio dessas eleições: não ser esquecido pelo povo que já deu a ele, lá atrás, a avaliação de melhor prefeito do Brasil.
 


A briga entre os militares, por Bolsonaro

O Ibope colocou os militares Capitão Alberto Neto (Republicanos) e o Coronel Menezes (Patriota) empatados tecnicamente. Os candidatos a prefeito de Manaus travam duas disputas, uma pelo voto dos eleitores de direita, outra pelo apoio de Jair Bolsonaro (sem partido). Essa briga pelo presidente foi parar na Justiça Eleitoral, que deu vitória, judicial, ao Capitão. Alberto Neto questionou o uso da imagem usada por Menezes em uma de suas peças de campanha. É que legalmente, um apoiador só pode aparecer em no máximo 25% do tempo total de uma peça publicitária eleitoral, mas Menezes extrapolou esse tempo ao colocar o presidente o elogiando em um vídeo gravado, para o seu aniversário. A justiça pediu, então, que a propaganda fosse adequada à legislação, mas multou Menezes. Cá entre nós, nessa briga os dois perdem e, pelo visto, até a pesquisa do Ibope já provou isso.

Falando em Bolsonaro

A vinda do presidente para Manaus, nas vésperas das eleições, pode provocar um racha na base direitista. É que se ele declarar apoio para Menezes, apaga de vez a campanha de Alberto Neto, que está na lista dos vice-líderes de seu governo na Câmara dos Deputados. E se declarar apoio ao Capitão, deixa de lado seu compadre e amigo de longa data. Nessa decisão, e embolados como estão, segundo o Ibope, uma coisa é certa: um deles vai para a água. Quem será?
 
Zé e Maklize

O homem da Kombi, Zé Ricardo (PT) alinhado ao discurso do empoderamento das mulheres, com sua candidata a vice-prefeita Maklize, tem atirado pesado contra os adversários e até contra Arthur Neto, atual prefeito da cidade. O discurso calmo, bem sereno, claro como uma homilia, diariamente nas casas dos eleitores de Manaus, parece estar surtindo efeito. O Zé, vem subindo, até na pesquisa do Ibope, e incomoda o candidato do Avante que parece ter chegado ao limite de intenções.

Ricardo Nicolau surpreende

De todas as surpresas divulgadas pelo Ibope no dia 15 de outubro, a mais impactante foi sem dúvida a chegada de Ricardo Nicolau (PSD) ao time da frente na disputa eleitoral. Apesar do Instituto ter embolado quase que todos no mesmo Tabuleiro, agora, não será tão surpreendente se o deputado estadual se manter no primeiro pelotão da disputa. Nicolau tem o maior tempo de TV e Rádio e, surfa em cima de um assunto delicado para o cenário atual: a pandemia e a saúde. Além do discurso firme, chamam a atenção suas peças publicitárias e a “plástica” de seu programa eleitoral, até aqui um dos mais bem produzidos dessa campanha.

Conectado, Amazonino segue ON e chama atenção nacional


Quem esperava que Amazonino Mendes (Podemos) no auge de seus 80 anos de vida fosse se deixar levar pelas, pesadas críticas de seus concorrentes está se surpreendendo. O marketing do candidato tem conseguido manter o mais longevo dos políticos da atualidade amazonense na liderança das intenções de votos, até mesmo segundo o Ibope. Além de um jingle marcante, com uma pegada jovem e moderna, peças publicitárias, cirurgicamente criadas para passar uma imagem de candidato antenado na atualidade virtual, ou cibernética, como ele mesmo diz, vão de funk, forró ao surpreendente “Free Fire”, jogo que é febre entre os adolescentes do mundo todo. O vídeo divulgado no último final de semana viralizou na internet. O trabalho feito pelo jornalista Marcos Martinelli, que comanda o Marketing do candidato, parece estar dando resultado. É que importantes jornais e veículos nacionais, como Globo News e o Jornal Estado de São Paulo, têm frequentemente citado o candidato em suas coberturas sobre a eleição no país.

 
Marcelo Amil e Dora Brasil


Os esquerdistas Marcelo Amil e Dora Brasil (PCdoB) entraram em campo em busca de votos essa semana. Ontem (15/10) eles fizeram bandeirada e caminhada no Parque Dez. Amil defende um governo participativo e já prometeu criar até uma Faculdade Municipal, que quando implantada, vai oferecer cursos à distância. A proposta é até boa, mas não é tão novidade assim. É que a prefeitura de Manaus já tem uma escola do servidor público, que na prática funciona como uma faculdade, ofertando cursos de pós-graduação ou MBA para os servidores. Resta saber se Amil, se eleito, vai aproveitar ou ampliar esse modelo.

Curtir e não curtir

A gente apertou o botão curtir para a ação do Governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) de não relaxar nas medidas de prevenção ao Covid-19. Lima, que na quarta-feira (14/10) fez um balanço sobre o casos do novo coronavírus no Amazonas tem sido duro quando o assunto é medidas de proteção. Sobrou até, com razão, para o já quase ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto, de quem Wilson cobrou medidas mais enérgicas e concretas, por exemplo, testagem da população. Aliás, alguém sabe que fim deu aquele decreto, assinado pelo prefeito, que multa o cidadão que não usar máscara de proteção em Manaus? Ficou só no papel?



Já que o assunto é Coronavírus, a gente não curtiu nenhum pouco a ação de campanha da candidata à reeleição à prefeitura de Beruri, Dona Maria (MDB), que fez uma verdadeira micareta no último final de semana lá na cidade. Ela e seus apoiadores saíram pelo município em uma ação que desafia o bom senso e o próprio Covid-19. Se você não viu, clica aqui e veja do que falamos.


A gente volta na semana que vem.
Link
Tabuleiro Baré

Tabuleiro Baré

Coluna Política do M2 News com os bastidores da política e fatos importantes do Amazonas.

Relacionadas »
Comentários »
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!