21/05/2020 às 21h32min - Atualizada em 21/05/2020 às 21h32min

Covid-19: Vice de Arthur alertou em janeiro que Manaus não teria UBS’s suficientes para pandemia

Marcos Rotta (DEM) alertou que a capital poderia sofrer graves impactos da Covid-19. Hoje Manaus tem mais 13 mil casos com 1.094 mortes.

Redação M2
Lucas Marinho
Pacientes aguardam para serem atendidos em UBS de Manaus. Foto.Altemar Alcantara/Semcom


A divergência entre as Secretarias de Saúde do Amazonas (Susam) e de Manaus (Semsa) a respeito dos dados de atendimento na rede básica de suporte ao Covid-19, em Manaus e no interior, ganhou um novo capítulo na noite dessa quinta-feira (21/05). O Portal M2 News resgatou uma declaração dada pelo vice-prefeito de Manaus Marcos Rotta (DEM) em seu programa de TV, exibido diariamente pela Band. Em janeiro, quando o mundo ainda acompanhava os casos crescentes de Covid-19 na China, Rotta disse que a capital amazonense não teria estrutura suficiente para atender casos do novo coronavírus, devido a falta de investimentos necessários na atenção básica.

“Se nós tivermos uma epidemia na cidade, 67% das pessoas que moram em Manaus não terão cobertura nas unidades de saúde. Me parece que houve um lapso de memória e esqueceram de divulgar isso também. A cobertura básica de saúde da prefeitura de Manaus é de 33%!”, alertou Rotta no dia 30 de janeiro.




Na época, Rotta se referia a um evento realizado pela prefeitura de Manaus no dia 29 de janeiro, quando se montou um gabinete para monitorar a situação do coronavírus na capital amazonense. O prefeito da cidade, Arthur Neto (PSDB) disse que o número de Unidades Básicas de Saúde (em janeiro) era de 23, para atender uma população de 2,1 milhão de habitantes, segundo último levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Atualmente, já contamos com 23 UBSs de referência para o tratamento das Síndromes Gripais e vamos mapear, entre essas unidades, em quais serão estrategicamente centralizados os atendimentos ao novo vírus”, disse o prefeito da cidade Arthur Neto durante aquele evento.


 O prefeito Arthur Neto (PSDB) e o secretário da Semsa Marcelo Magaldi durante evento em UBS de Manaus. 

Nessa quinta-feira (21/05) a Susam informou que o comportamento do vírus no interior tende a ter um desfecho melhor que na capital, devido a boa cobertura de atenção básica.

No interior do Amazonas, essa cobertura é próxima de 90% da população. Já na capital, a cobertura é de 51,5% (dados atualizados), 18,5% a mais do que os dados revelados pelo vice-prefeito em janeiro. É na atenção básica que é feito o acompanhamento e controle de diabetes, hipertensão e outras comorbidades que levam pacientes de Covid-19 ao óbito.

“Com boa cobertura de atenção básica, os municípios conseguem controlar melhor, investigar mais e notificar mais os casos e, assim, ter um melhor resultado no acompanhamento da população”, afirma o secretário de Atenção Especializada do Interior, da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), Cassio Roberto Espírito Santo.

Na noite dessa quinta-feira (21/05) o secretário municipal de saúde de Manaus, Marcelo Magaldi, classificou como leviana a associação de índices de cobertura da Atenção Básica ao quantitativo de óbitos por Covid-19 ocorridos em Manaus, em comparação com os números do interior do Estado.

“É preciso considerar que o indicador de cobertura da atenção básica é um percentual meramente quantitativo, uma função cuja principal variável é o número de recursos humanos, médicos, enfermeiros, agente comunitários de saúde e técnicos de enfermagem, entre outros. O que precisa ser realmente analisado são os aspectos da qualidade do atendimento da Atenção Básica. É um erro grave associar as mortes ao indicador de atenção básica”, disse Magaldi.

Dos 25.367 casos confirmados no Amazonas até esta quinta-feira (21/05), 12.317 são de Manaus (48,56%) e 13.050 do interior do estado (51,44%). O maior número de mortes é na capital, até hoje são 1.094. No interior, 47 municípios registraram 526 óbitos.  
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Receba nossas notícias em seu WhatsApp
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!