15/09/2020 às 19h28min - Atualizada em 15/09/2020 às 19h28min

​Adjuto Afonso pede união de governo, bancadas federal e estadual para reverter saída da Sony do Amazonas

Redação M2
Foto: Divulgação


Em pronunciamento na manhã desta terça-feira, 15, o deputado Adjuto Afonso (PDT) lamentou a notícia divulgada pelos veículos de comunicação sobre o encerramento das atividades da empresa Sony na capital amazonense, que trabalha com fabricação e comercialização de produtos eletrônicos no Distrito Industrial.

"Hoje, a Sony tem mais de 200 empregos diretos, mais de 48 anos no Brasil, e anuncia que vai fechar a fábrica em março de 2021. Isso é muito preocupante. Temos que rever, conversar com a Federação das Indústrias, com o Wilson Périco, do Centro das Indústrias, talvez a Sony possa ainda rever essa decisão. A Sony já está aqui há muito tempo, no Pólo Industrial de Manaus, quem não conhece e quem não tem um aparelho fabricado pela Sony no Estado do Amazonas? Ela está aqui quase desde o início da Zona Franca", ressalta o deputado.

O parlamentar apelou ao governo do estado, à bancada federal, aos colegas deputados estaduais, que possam se unir em prol da empresa e buscar soluções. "Há possibilidade ainda, tendo em vista que temos quase sete meses pela frente, para tentar que a Sony não feche as portas. A preocupação também é de que outras empresas fechem e comecem a esvaziar o nosso Distrito Industrial, que hoje, certamente, é a nossa maior fonte de geração de emprego e renda".  

Adjuto Afonso propôs aos colegas deputados uma reunião com a Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), governo do estado e demais órgãos ligados à indústria para discutir soluções para reverter a situação.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com a gente
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!