16/04/2018 às 08h08min - Atualizada em 16/04/2018 às 08h08min

Corpo de Oscarino Varjão será sepultado às 16h em Manaus

Redação M2 News
Foto: Reprodução
 O corpo do ventriloquo Oscarino Farias Varjão, 81 anos, criador do boneco Peteleco, considerado Patrimônio Cultural e  Imatrial do Amazonas, falecido na noite do último domingo (15/04), será sepultado às 16h dessa segunda-feira (16/04), no cemitério São João Batista, zona centro-sul de Manaus.

Oscarino estava internado desde a última sexta-feira (13/04) no Hospital Pronto-Socorro 28 de Agosto, zona centro-sul de Manaus, após ter complicações causadas por um câncer de estômago, enfrentado por ele há algum tempo. 


Em Nota, a direção do Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto informou que o ventríloquo deu entrada na unidade  em estado grave e permaneceu  "internado com diagnóstico de colelitíase, abcesso hepático, acidente  vascular encefálico e hipertensão arterial", dizia anota.

 

6 décadas de sucesso

Oscarino Varjão era considerado o pai do ventriloquismo no Amazonas. Em 1957 criou o boneco "Peteleco" que encantou durante décadas diversas crianças, adolescentes e adultos com suas piadas e sarcasmo. Ele se apresentava esporadicamente com o inseparável boneco, que foi criado no final da década de 1950 para ser o avô de outros personagens manipulados. Peteleco roubou a cena, e claro, se transformou em carro chefe da companhia de Oscarino. O artista se apresentou em emissoras de TV de vários estado e foi durante décadas uma das atrações mais cobiçadas em festas, shows e confraternizações.

Atualmente, Oscarino era funcionário público aposentado da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM). Ele deixa dez filhos, netos e uma legião de fãs. 



 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com a gente
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!