25/06/2017 às 11h23min - Atualizada em 25/06/2017 às 11h23min

Daniel Ricciardo (Red Bull) vence GP do Azerbaidjão de F1

Redação M2News e - AFP
Foto: Alexander NEMENOV / AFP

 

O australiano Daniel Riccardio (Red Bull) venceu neste domingo o Grande Prêmio do Azerbaidjão de Fórmula 1, uma corrida caótica e emocionante, marcada pela tensão entre Sebastian Vettel (Ferrari) e Lewis Hamilton (Mercedes), que brigam pelo título Mundial.

Ricciardo conquistou em Baku sua quinta vitória na carreira, superando no pódio o finlandês Valtteri Bottas (Mercedes), que superou na reta final o canadense Lance Stroll (Williams), terceiro colocado. 

Stroll, aos 18 anos e 239 dias de idade, se tornou o piloto mais novo da história da Fórmula 1 a subir ao pódio de uma corrida em sua temporada de estreia na categoria.

Vettel terminou em quarto, à frente de Hamilton (5º), aumentando para 14 pontos sua vantagem sobre o britânico no Mundial de Pilotos.

Foi uma corrida totalmente louca, com direito a três carros de segurança, uma bandeira vermelha, uma incidente entre Vettel e Hamilton e um mano a mano final: um Grande Prêmio de tirar o fôlego para os espectadores, mas confuso para os padrões habituais da Fórmula 1.

Vettel e Hamilton competiram no limite do regulamento, relembrando algumas das maiores rivalidades da história do esporte: Niki Lauda/James Hunt nos anos 1970, Ayrton Senna/Alain Prost nos anos 1990 e, mais recentemente, o duelo entre Hamilton e Nico Rosberg dos últimos anos.

Na volta 22, com o safety car na pista, Hamilton deu forte freada que fez Vettel bater na traseira da Mercedes. Possesso com a atitude do britânico, o alemão emparelhou sua Ferrari com o líder da prova e deu um toque proposital na lateral do carro de Hamilton ao reclamar.

A atitude de Vettel acabou lhe custando caro: punição de 10 segundos de 'stop and go' nos boxes.

Já Felipe Massa teve altos e baixos em Baku.

Após largada impressionante, saiu do 9º para o 6º lugar na primeira volta. O brasileiro repetiu o feito nas duas relargadas seguintes às saídas do safety car, aproveitando para pular para o 4º lugar e, em seguida, para a 3ª posição, atrás apenas de Hamiton e Vettel com 25 voltas completadas.

A Williams de Massa, porém, não aguentou uma terceira relargada. Após a interrupção por bandeira vermelha, sofreu com a quebra da suspensão que obrigou o brasileiro a abandonar a prova na 27ª volta.

 


Com informações da Agence France-Presse
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com a gente
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!