11/04/2022 às 06h58min - Atualizada em 11/04/2022 às 06h58min

Prefeitura fecha domingo de intensificação de vacinação com quase 3 mil doses aplicadas

Redação M2 News

A Prefeitura de Manaus fechou a ação de intensificação da Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza e Sarampo e ampliação da Covid-19, de forma positiva, neste domingo 10/4, com 2.878 doses de vacinas aplicadas. Desse total, foram aplicadas 641 doses contra influenza, 967 para proteção contra o sarampo e 120 contra a Covid-19.

 

Operacionalizada pela Secretaria Municipal de Saúde, (Semsa) a ação disponibilizou quatro pontos de vacinação, nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste de Manaus, que funcionaram das 9h às 16h: shopping Phelippe Daou, na zona Norte;  Studio 5 Centro de Convenções, na zona Sul; Sesi – Clube do Trabalhador, na zona Leste e DB da Ponta Negra, na zona Oeste.

 

O secretário municipal de Saúde, Djalma Coelho, acompanhou o trabalho das equipes nos quatro pontos de atendimento e destacou que a Semsa vem utilizando as alternativas possíveis para facilitar ao máximo o acesso do público aos imunizantes. O gestor enfatizou que, para quem não conseguiu se vacinar neste domingo, a vacinação segue disponível nas 171 unidades de saúde da rede pública, que podem ser conferidas pelo link: http://bit.ly/salavacinamanaus .

 

"Essa programação foi pensada justamente para aquele público que trabalha e não tem tanto tempo durante a semana para se vacinar, mas nós reforçamos que durante a semana temos 171 salas para vacinação. Precisamos nos proteger com estas doenças. O sarampo, por exemplo, tem uma importância epidemiológica gigante, visto que o Brasil tem seis Estados que estão com casos novos notificados e se Manaus estiver com a cobertura vacinal baixa, corre um sério risco. Não queremos esse cenário, por isso estamos reforçando nossas ações para vacinar a população", acentuou.

 

Djalma Coelho esclareceu que os adultos que se vacinaram contra a influenza e o sarampo não precisam aguardar 14 dias de intervalo com a vacina contra a Covid-19, que é o tempo de espera necessário apenas para as  crianças.

 

Para o servidor público James Nogueira, que foi até o Sesi, a vacina representa mais segurança para desenvolver seu trabalho. "Eu já tomei todas as doses de vacina contra a Covid-19 e hoje me vacinei contra influenza e sarampo. Esse reforço é fundamental para que nós, trabalhadores da saúde, possamos trabalhar com tranquilidade. Eu nunca peguei Covid e nem Influenza porque sempre segui todas as recomendações e me vacinei. Para quem trabalha em ambiente hospitalar essa proteção é fundamental", destacou.

 

Esta primeira etapa da campanha contra influenza e sarampo se prologa até o dia 2 de maio, e está direcionada aos trabalhadores da saúde (sarampo e influenza) e aos idosos acima de 60 anos (influenza), conforme as diretrizes do Ministério da Saúde. A meta, neste primeiro momento, é proteger 185.241 pessoas a partir dos 60 anos ou mais e 56.628 trabalhadores da saúde (rede pública e particular).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com a gente
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!