19/06/2019 às 14h04min - Atualizada em 19/06/2019 às 14h04min

GOVERNO DIGITAL: Prodam recebe convite para ingressar no Programa Prioritário de Economia Digital

Redação M2

A empresa Processamento de Dados Amazonas S.A. (Prodam) recebeu oficialmente o convite para ingressar no Programa Prioritário de Economia Digital (PPED). O convite foi feito no último dia 13 (quinta-feira), pela consultora de negócios do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico (INDT), Glaucia Mendes.

O PPED é uma iniciativa do governo federal e coordenada em Manaus pelo INDT, que tem como objetivo criar um polo tecnológico de inovação global na Amazônia.

Durante a reunião, Glaucia explicou como funciona o projeto e qual a sua importância para o desenvolvimento da tecnologia na região. “Seu foco é fomentar o crescimento do ecossistema de empresas nascentes de base tecnológicas (startups locais, spin offs) e aumentar o portfólio de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação em áreas como Internet das coisas, big data e computação nas nuvens”.

Segundo ela, a Prodam é um ente essencial para o sucesso do Programa na região. “Como órgão que pensa tecnologia para o governo estadual, é importante identificar quais os problemas da Prodam e quais os problemas do governo. Conhecendo essas questões, podemos abrir caminhos entre a Prodam e as startups  e, quando esse caminho estiver aberto, a gente começa a falar de soluções tecnológicas mais viáveis para a região”, explicou Gláucia.

Governo Digital  -  Para o diretor técnico da Prodam, Heleno Ferreira, o Programa Prioritário de Economia Digital está totalmente alinhado com a estratégia de focar no Governo Digital. “Sempre almejamos utilizar verba de P&D na Prodam, mas ainda não tínhamos encontrado um modelo que fosse viável para a nossa realidade. Com esse programa, será possível fomentar uma série de soluções de governo e ainda gerar lucro para a Empresa com a rentabilização de APIs. O mais importante nós já temos, que é o nosso enorme banco de dados”, disse.

Próximos passos  – Na próxima semana, a diretoria da Prodam  fará uma visita ao INDT para conhecer de perto como funciona o Programa. Em seguida, a Prodam deverá assinar um termo de cooperação técnica com o INDT para firmar o objetivo em comum de desenvolver soluções digitais para o Estado, no âmbito do Programa Prioritário de Economia Digital.

Sobre a Prodam - A Processamento de Dados Amazonas S.A. (Prodam) é uma sociedade de economia mista, cujo maior acionista é o Governo do Estado do Amazonas. Seus técnicos desenvolvem soluções que impactam o dia a dia do amazonense como os sistemas de educação pública e trânsito. Além disso, a Prodam desenvolve soluções que melhoram a gestão governamental como os sistemas de patrimônio, almoxarifado e protocolo eletrônico.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale com a gente
Portal M2 News
Envie NOTÍCIAS e receba as principais notícias publicadas no Portal M2 News em seu WhatsApp. SERVIÇO 100% GRATUITO!